Ser sócio da APIO - Associação Portuguesa da Indústria de Ourivesaria custa apenas 10 euros mensais

2017-12-12

34.962 €/g

0.4606 €/g

Área de Sócios

Newsletter

Introdução

A Indústria Portuguesa de Ourivesaria tem vindo a passar por gravíssimos problemas relacionados com o fraco investimento na modernização e desenvolvimento das estruturas empresariais.

Com efeito, esta situação a par de uma cada vez mais forte concorrência estrangeira (Itália, Espanha e China e Tailândia), a “invadir” o mercado nacional pela inovação, design, qualidade e preço dos seus produtos, a ausência de mão-de-obra especializada capaz de promover o desenvolvimento tecnológico e a inovação e simultaneamente, assegurar a preservação de um setor em crise, a ausência de conceitos “emergentes” como o “design” são alguns dos aspetos que têm inequivocamente contribuído para o agravamento dos problemas neste setor.

Por outro lado, a incipiente formação que existe na região Sul, particularmente no domínio da ourivesaria, contribui para aumentar as muitas dificuldades com que as empresas se têm deparado.

A ausência de qualificação inicial e formação profissional nas empresas resultam da fraca aposta que se verificou durante muitos anos, nos recursos humanos, facto que tem contribuído para uma ausência de trabalhadores qualificados, no setor.

Atualmente e numa fase em que a indústria de Ourivesaria enfrenta os novos desafios económicos, através de caminhos e soluções técnicas e funcionais, que permitam desenvolver e competir no mercado global, a aposta nos recursos humanos é já considerada uma estratégia tão essencial e necessária, quanto outras medidas prementes.

A Formação na APIO

Até ao 25 de abril de 1974 a APIO desenvolvera um papel preponderante na Formação de Ourivesaria, nomeadamente, através da Escola António Arroio.

Após essa data, passaria a ser destituída da função de gestão e coordenação de toda a formação realizada naquela instituição.

Após o interregno de várias décadas na formação, a APIO reiniciou a sua atividade no domínio da Formação no ano de 2000, ano em que procurou apostar fortemente na preparação de formadores, posicionando-se e preparando-se para a atividade formativa.

Assim, muniu-se de uma equipa de formadores devidamente certificados pelo IEFP e, a partir do ano 2001 a passou a ter como objetivo anual, a elaboração de um diagnóstico de necessidades de formação, a realização e a implementação de um Plano Anual de Formação, cujo objetivo primordial consistia em responder às necessidades de formação existentes nas empresas desta região. Todos esses planos foram realizados com o apoio do FSE e do Estado Português e decorriam num espaço de onde se salientavam duas salas devidamente equipadas, com bancadas e material técnico para a realização de formação prática no domínio da ourivesaria com capacidade para acolher 20 formandos mas que não era o espaço ideal. Embora os cursos realizados tivessem sido no âmbito de temáticas da ourivesaria, esta entidade especializou-se na formação técnica de Cravação e Ourivesaria apresentando cursos técnicos específicos, cujo objetivo e programa modular assentam no “saber fazer” através do “saber” existente e na arte da ourivesaria. Foram cursos de média e longa duração, com cargas horárias de 120 e 400 horas respetivamente destinados a empresários, técnicos e operários das empresas.

 

 

Centro de Formação Profissional de Joalharia da APIO

Em 2012 a APIO garantiu um espaço com condições ideais para a promoção dessa atividade. Remodelou o espaço, criou as necessárias infraestruturas e equipou-o para que, em 2013, fosse possível relançar esta importante atividade e cumprir assim um dos objetivos da Associação.

O Centro de Formação da APIO localiza-se na Rua Martim Vaz, 38-40, Lisboa, a 5 minutos do Rossio e tem capacidade para acolher 30 formandos em simultâneo. Apresenta duas salas devidamente equipadas, com bancadas e material técnico para a realização de formação prática no domínio da ourivesaria e da joalharia para além de uma sala onde podem decorrer sessões teóricas.

 

Veja aqui a Planta do Espaço
 

 

Depoimentos dos nossos Alunos

©2017 APIO - Associação Portuguesa da Indústria de Ourivesaria . desenvolvido por citricweb.pt